07 maio 2012

O que estamos assistindo na televisão?

      Há valores culturais dominantes em cada época e um sistema de exclusões muitas vezes baseado em preconceitos estigmatizantes. Tudo o que se situa fora dos estereótipos resta por ser rotulado de “anormal”, ou seja, fora da normalidade, que não se encaixa nos padrões. São, em regra, questões de lenta maturação, alvo de uma visão polarizada extremamente limitante.
      Com a transformação dos costumes e a mudança dos valores e dos conceitos de moral e de pudor, os temas referentes à sexualidade deixaram de ser “assunto proibido” e hoje são enfrentados abertamente, sendo retratados no cinema, nas novelas, na mídia em geral. Porém, o que percebemos é que na maioria dos meios midiáticos (aqui me baseio nos brasileiros), em especial a televisão aberta, a sexualidade homoafetiva é permeada de estereótipos e preconceitos. Utilizando uma fala de Maria Celeste Mira “Quando se trata de meios mais populares, como a televisão aberta, em geral dirigida a  pessoas de pouca escolaridade, ou de pouco capital cultural [...] as representações de gênero são bastante tradicionais ou conservadoras. Homossexualidade, na maioria das vezes, é motivo de piada ou de curiosidade. A “bicha” é uma figura quase indispensável  num programa humorístico [...] Nas novelas, o homossexual tem aparecido, mas sempre como tema secundário [...]”
      Essa é uma questão que me preocupa muito, principalmente quando vejo homossexuais dando risada das piadas feitas com gays em programas como o “Zorra Total” que se iguala a um BBB em aproveitamento cultural ou social. Muitos me criticam quando eu fico batendo nessa tecla da importância do cultural para a nossa vida, dizem que precisamos ter um momento de distração e humor. É CLARO QUE PRECISAMOS, mas quem disse que o humor não pode ser inteligente?
      Ser gay, e assistir um programa que nos ridiculariza diariamente só pode ser burrice. E a Rede Globo provou mais uma vez que os seus telespectadores são compostos em grande maioria por pessoas desprovidas de intelectualidade, visto que o seriado Glee em sua segunda temporada, na qual aborda questões como bullying, homofobia, religião, entre tantos outros assuntos polêmicos, está sendo transmitido na madrugada..
      Pode realmente ser que os seus telespectadores não estão preparados para essas cenas e assuntos tão polêmicos, mas a Globo tem a oportunidade de mostrar o quanto tudo isso é normal, por que nada melhor do que a abordagem moderada e cuidadosa de Glee para acabar com diversos estereótipos. Porém, mais uma vez a televisão não está exercendo um dos seus papeis sociais, que é a democratização no espaço televisivo, já que essa democratização no espaço público está longe de ocorrer.

Abraços, volto na quarta!!!

14 comentários:

  1. Concordo com você, penso que a televisão aumenta em muito vários preconceitos e estereótipos.

    ResponderExcluir
  2. E ainda mais custa ver actores gay a representarem esses papéis ridicularizando a homossexualidade.

    ResponderExcluir
  3. Realmente em alguns quesitos a televisão brasileira é degradante, mas também não podemos jogar tudo no lixo. Na questão da sexualidade, em especial a homoafetiva, não só a Globo como todos os canais tem muito o que melhorar ainda.

    ResponderExcluir
  4. Olha só, assim como em qualquer segmento da sociedade, das profissões e etnias, sempre tem aquele individuo que denigre a classe. Muito por culpa de algumas bichinhas uhó é que o homossexualismo é ridicularizado e visto com naus olhos pela maioria. Se os gays nas novelas e programas são mostrados como piada e sempre ridicularizados é muito por culpa dessas criaturas. Mas enfim, concordo em numero, genero e grau com o Fred. Beijo a todos.

    ResponderExcluir
  5. Concordo, claro.
    Mas se eu te contar que já foi pior que isso... tu acreditas?
    Hugzzzz!

    ResponderExcluir
  6. Frederico:

    Infelizmente a televisão de modo geral muitas vezes mais des(educa)do que ajuda a formar uma sociedade mais justa, ética e igualitária, bem vindo ao Brasil..rs. Linda semana. Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Ótimo, a televisão deixou a desejar a muito tempo, creio que dá para contar nos dedos as vezes que assistir tv nestes últimos anos, perdi tanto interesse em assistir algo de distração momentânea devido as más abordagens de determinados assuntos como este citado no texto e por não conseguir rir de qualquer coisa que vá ao ar rotulado como comédia quando não se tem o talento merecedor de nossas risadas!
    Boa semana, abraços!!

    ResponderExcluir
  8. Oi Frederico, tudo bem?
    Pois é menino, Glee tem uma abordagem sobre esses temas de uma forma leve. Infelizmente essa é uma realidade.
    Que bom que gosta menino, vou procurar postar mais, rs. Pois é, todos querem né? rs
    Bjo menino

    ResponderExcluir
  9. Concordo com esse seu texto, a televisão está cada vez mais precária em termos culturais, mas infelizmente ela reflete a condição de grande maioria do povo brasileiro.

    ResponderExcluir
  10. super concordo!
    muito bom o que tu falou sobre cultura, o povo precisa disso, mas realmente não está preparado. Por isso tbm acho certo que aqueles que tem não a percam em programas como esses.
    eu abominei a tv da minha vida há 2 anos (posso ter sido radical por um lado, mas não me arrependo) e hoje eu estou muito bem, assisto aos meus seriados pela net, vejo notícias diariamente e ainda tenho chance de conhecer o cenário da música, da moda e do bom gosto.

    ResponderExcluir
  11. não tenho muito hábito de ver televisão, pois sempre que tenho um tempo prefiro ver filmes ou as séries.

    mas concordo, frederico. parece que a globo fica querendo agradar aos evangélicos, que estão todos dando audiência pra record. 'glee' é uma série fantástica que aborda muitas questões com as quais as pessoas se identificam, pois fala da desigualdade, do desejo de quer ser reconhecido, tanto que é um sucesso fora do país.

    eu, sempre que posso, divulgo e incentivo as pessoas a assistirem aos episódios.

    ResponderExcluir
  12. Concordo e assino em baixo com o Fred e com o Ethan!! abraço

    ResponderExcluir

Fala bonita

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...